A paisagem da Baía de Paranaguá com suas diversas ilhas é o resultado do processo de transgressões e regressões marinhas da região costeira do Paraná, iniciado na era do quaternário.

No conjunto dessas modificações é que se insere o Superagüi, planície de restingas, formada pela superposição de várias camadas de depósitos marinhos. Sua condição insular é artificial, resultado da abertura do Canal do Varadouro, que cortou o istmo da antiga península e uniu as baías, de Trapembé e Paranaguá.

É delimitado a SE pelo Atlântico e a N e NE pela Baía de Pinheiros e pelo Canal do Varadouro. Seu contorno está em permanente mutação, crescendo sobre o Atlântico, pela deposição de areia, e regredindo a N pela erosão ao longo do canal e do Rio do Ararapira.

A vegetação predominante é típica de restinga, apresentando espécies cosmopolitas tropicais de caráter halófico, heliófilo e psamófilo.

A ocupação humana pré-histórica deixou testemunhos em diversos sambaquis. Historicamente, é registrada em 1852, a fundação de uma colônia de europeus, a maioria de origem suíça. A paisagem da região e os costumes desses colonos foram documentados em desenhos e aquarelas pelo pintor Wilhelm Michaud (1829-1902), que ali passou a viver logo após a fundação da colônia.

Da antiga Colônia do Superagüi restam vestígios arqueológicos (fundações das antigas construções) e também humanos, como alguns raros descendentes dos primeiros colonizadores de olhos azuis e cabelos loiros ainda hoje vivendo em localidades do nosso litoral.

Preço ida e volta

Preço R$ 1.600,00 ou R$ 30,00 por pessoa minimo de 40 passageiros. Embarque em Paranaguá.